Casamento DEK

O Início, o meio e o daqui em diante.
0 comments

2º colocado – Grand Hotel Budapeste

Um filme de cores fortes, personagens excêntricos, enquadramentos minuciosamente bem pensados e uma história deliciosa. Esse é Grand Hotel Budapeste, do diretor Wes Anderson que também assina o roteiro. O diretor é famoso por filmes fora do padrão e que acabam sendo elogiadíssimos, e Grand Hotel Budapeste não foge à regra.

A história é contada em tom fabulesco. Ambientada na República (imaginária) de Zubrowka, situada no leste europeu, onde se destaca o grande hotel localizado no alto de uma montanha. O período histórico é início do século 20, marcado pela  “Belle époque”  que cedeu lugar a um crescente fascismo, que culminou com uma guerra. O hotel vive as consequências desse período. Em cena, Ralph Fiennes como o concierge, M. Gustave,  Jude Law como o escritor ,  a incrível atuação de Tilda Swinton, irreconhecível na pele da velha milionária, Madame D.,  Toni Revolori que vive Zero, o fiel escudeiro do concierge e  Saoirse Ronan, sua namorada Ághata. O filme ainda traz Bill Murray, Edward Norton e Adrien Brody com personagens brilhantes.

A teatralidade e os excessos são a principal pitada de humor do filme que também flerta com a literatura. O foco central é a amizade de Zero com o Concierge M. Gustave, um homem que ama sua profissão e suas amantes idosas que se hospedam no hotel. Quando uma delas morre, Madame D., M. Gustave acaba herdando uma pintura famosa da milionária, o que não agrada a família de luto.  A partir de então começa a disputa pelo quadro, em uma confusão com um tom próprio de humor, muito característico do diretor. Grande parte da história faz parte do passado na trama, e é narrada por Zero no presente em meados dos anos 60, para o escritor vivido por Jude Law. Durante todo o filme somos transportados do presente para o passado, a fim de conhecermos a verdadeira história do Grand Hotel Budapeste.

Enfim, não vou ficar contando detalhes porque só assistindo para entender o que quero dizer. Creio que os amantes de Amelie Poulain e sua estética, como eu,  irão se identificar com esse filme fantástico. Gosto tanto de Grand Hotel Budapeste que acho que ele é meu primeiro lugar junto com Boyhood.

grand_hotel-budapeste

GHB_9907 20130130.CR2

Grand-Budapest-Hotel-Ed-Norton

o-grande-hotel-budapeste-cena-5

The Grand Budapest Hotel

grand3

concierge

Leave A Comment